Os 200 agentes comunitários de saúde e de combate a endemias do programa ‘saúde da família’, da prefeitura de Santos, terão gratificação de 10% a partir de novembro ou dezembro.
O presidente do sindicato dos servidores estatutários municipais (Sindest), Fábio Marcelo Pimentel, comemora a conquista fora da data-base do funcionalismo, em fevereiro.
“Foi um grande avanço, de valor significativo, num cenário econômico nacional recessivo e que, portanto, merece comemoração”, diz o sindicalista.
O benefício constará de projeto de lei enviado à câmara, pela prefeitura, ainda neste mês, e beneficiará também os dentistas que integram o mesmo programa de saúde.
A medida foi garantida na quarta-feira (3), pelos secretários municipais de gestão e saúde, Carlos Teixeira Filho e Fábio Alexandre Fernandes Ferras, em reunião com o sindicato.
Estavam presentes os vereadores Braz Antunes (PSD), Telma de Souza (PT), diretores do Sindest, chefes de departamentos da secretaria de saúde, comissões de agentes e dentistas.
Segundo o diretor do sindicato Josias Aparecido da Silva, os agentes aguardavam o benefício há um ano, quando atenderam chamado do Sindest para a campanha.
“Graças ao empenho dos próprios agentes, do sindicato e dos dois vereadores, chegamos a esse fruto maravilhoso, além da equiparação da gratificação dos dentistas com os enfermeiros”, diz Josias.
Sindicato dos Servidores Estatutários Municipais de Santos (Sindest, filiado à Fupesp e NCST).
Rua Monsenhor de Paula Rodrigues, 73, Vila Mathias, Santos, 13-3202-0880, contato@sindest.com.br , www.sindest.com.br .
Presidente: Fábio Marcelo Pimentel. Diretor de imprensa: Rogério Catarino.
Redação e fotos: Paulo Passos MTb 12.646, matrícula sindical 7588 SJSP.

 

Siga e Compartilhe
error0

Sem Comentários

Você pode postar primeiro comentário resposta.

Deixe Um Comentário

Por favor, insira seu nome. Digite um endereço de e-mail válido. Digite uma mensagem.