Em ‘estado de alerta’,

Sindest rejeita 10,67%

A assembleia de quinta-feira da semana passada (21), na foto de Paulo Passos

Em negociação com a prefeitura, na manhã desta quinta-feira (28), a diretoria do sindicato dos servidores estatutários municipais de Santos (Sindest) rejeitou reposição salarial de 10,67% na data-base de fevereiro.

Mesmo assim, a categoria terá assembleia, às 18h30 desta sexta-feira (29), para deliberar sobre a contraproposta. O presidente do sindicato, Fábio Marcelo Pimentel, quer continuar negociando.

“A simples reposição inflacionária não é suficiente”, diz o sindicalista. Nova negociação está marcada para quinta-feira (4 de fevereiro), às 10 horas, no paço municipal.

“Esperamos que seja a última reunião e que o executivo contemple um aumento real, como nas últimas campanhas salariais, para diminuir a perdas dos últimos 20 anos, que somam mais de 90%”, diz Fábio.

Ele pretende que a campanha seja encerrada na próxima semana, a fim de que a folha de fevereiro seja fechada já com o novo índice de correção salarial e dos benefícios como cesta-básica e vale-refeição,

Antes

Em assembleia no dia 21, os estatutários recusaram 9% de reposição salarial e decretaram ‘estado de alerta’. As negociações são com o secretário municipal de gestão, Fábio Alexandre Fernandes Ferraz.

Também essa proposta havia sido recusada na mesa de negociação pela diretoria do Sindest. A categoria lotou o auditório do sindicato dos trabalhadores em saúde (Sintrasaúde), onde será a assembleia desta sexta.

Até agora, foram feitas quatro negociações com a prefeitura, sendo as duas primeiras antes de 15 de janeiro. A primeira proposta foi de 7,8%. A segunda, de 8%. A terceira, 9%. E agora, 10,67%.

A próxima assembleia será em 4 de fevereiro, quinta-feira. As reivindicações para a data-base foram aprovadas em novembro e encaminhadas naquele mês à prefeitura.

 

Siga e Compartilhe
error0

Sem Comentários

Você pode postar primeiro comentário resposta.

Deixe Um Comentário

Por favor, insira seu nome. Digite um endereço de e-mail válido. Digite uma mensagem.